Univem, Usp e Unesp sediam IX Escola Regional de Informática

O Centro Universitário Eurípides de Marília – Univem realiza, de 12 a 14 de março, a IX Escola Regional de Informática São Paulo/Oeste (ERI SP/Oeste). O evento que tem como objetivo promover a disseminação de conhecimento nas áreas de Computação e Tecnologia da Informação agregando atualização profissional às instituições de ensino superior do estado de São Paulo, contando com a participação de convidados e palestrantes de diversas localidades do país.

Escola Regional de Informática acontece no Univem dias 12 a 14 de março

A ERI SP/Oeste é promovida pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC), uma das maiores sociedades científicas do país com atuação diversa em questões nacionais relativas à informática. O evento é organizado por um comitê composto por representantes institucionais da SBC em Instituições de Ensino Superior (IES) do estado, que tenham cursos na área de Computação.

A ERI acontecerá durante 3 dias nas sedes de Marília (Univem), São Carlos (Usp) e Presidente Prudente (Unesp).

Segundo o Prof. Dr. Leonardo Castro Botega, professor dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem e coordenador do evento na sede de Marília, serão oferecidas palestras e minicursos abordando temas como inteligência artificial, deep learning e segurança da informação. “O evento é uma importante oportunidade para que os alunos e profissionais de TI da região possam se atualizar com o que há de mais atual na área.”, destacou o professor.

Além das palestras e minicursos, o evento contará com palestras abordando a participação das mulheres na Tecnologia da Informação e Empreendedorismo, com o grupo “Meninas Digitais”, com objetivo de divulgar as diversas facetas da Computação para alunas do ensino médio e dos últimos anos do ensino fundamental no Brasil, visando motivá-las a seguirem carreiras e cursos de nível superior na área de TI.

Todas as atividades serão ministradas por profissionais da USP de São Carlos.

Agenda completa do evento e inscrições: www.sbc.org.br/erispoeste2018

CNPq e Capes lançam chamada do Programa Talentos para Inovação

Coordenação de Comunicação Social do CNPq

O investimento total do novo edital com bolsas de inovação será de R$ 5,5 milhões

Uma parceria envolvendo as principais agências de fomento do país pretende levar às empresas a mão-de-obra e expertise qualificada dos pesquisadores brasileiros. Essa ação está no âmbito do Programa Talentos para Inovação, que pretende incentivar a inserção de novos talentos no mercado de trabalho, com a concessão de bolsas para pesquisadores atuarem nas unidades e polos da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii).

Nesse sentido, foi lançada, nesta quinta-feira, chamada que selecionará bolsistas na modalidade Bolsa Jovens Talentos (BJT). A iniciativa é fruto de um acordo firmado em 2017 entre o Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifíco e Tecnológico (CNPq), a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), o Instituto Euvaldo Lodi (IEL-NC)  e a Embrapii.  O programa abrange 27 áreas de competências tecnológicas.

As inscrições começam em 06 de fevereiro e vão até 12 de março. As bolsas terão duração máxima de doze meses e serão divididas em dois níveis de classificação: BJT,  nível A,  no valor de R$ 7 mil mensais e a BJTnível B, no valor de R$ 4 mil mensais, para pesquisadores com produção científica e tecnológica relevante ou profissional com experiência destacada em projetos de P,D&I. Serão aceitas até três bolsas por projeto.

Para Marcelo Morales, Diretor de Ciências Agrárias, Biológicas e da Saúde e Presidente Substituto do CNPq, a iniciativa é de suma importância para a inovação no Brasil. “Queremos incentivar ainda mais a inovação, que é um dos pilares da missão institucional do CNPq. A parceria entre CNPq, CAPES, EMBRAPII e IEL mostra o empenho e alinhamento das principais entidades de financiamento à pesquisa para que possamos transformar conhecimento em riqueza para o desenvolvimento do Brasil”, afirmou Morales.

Para saber mais ou se inscrever acesse: http://capes.gov.br/bolsas/programas-especiais/programa-talentos-para-inovacao

 

Coordenação de Comunicação Social do CNPq

Fase presencial do Univem eSport Show acontece nesta semana

Começa nesta terça (23/01) a fase presencial do Univem eSports Show, evento de esportes eletrônicos com jogos competitivos envolvendo cyber atletas de Marília e região promovido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem.

Os eSports (esportes eletrônicos) são jogos competitivos que promovem competições envolvendo atletas amadores e profissionais. Além de promoverem um nível intenso de cooperação, destreza e raciocínio de seus jogadores, esses esportes têm ganhado relevância no Brasil e no mundo.

Os eSports já são uma modalidade que conta com o apoio de grandes organizações (como ESPN, Amazon, Google) e têm um grande alcance, chegando até mesmo a serem transmitidos na televisão (embora o principal meio de transmissão seja a Web).

O Univem possui já há dois anos o grupo de estudo Univem Game Dev, dedicado a promover discussões com os alunos sobre o desenvolvimento e mercado de jogos, e a estimular que os alunos desenvolvam seus projetos. Nesse ano o grupo abraçou também a causa dos eSports.

O público está convidado a assistir ao vivo as finais do torneio, que também contarão com: sorteios de prêmios, apresentação de patrocinadores em estandes, minicursos e palestras para aprender mais sobre eSports e jogos em gerais.

Segundo o Prof. Dr. Allan Oliveira, responsável pelo evento, nesta fase presencial que começa na terça acontecem as finais dos torneios de LOL e CS, palestras do universo de games, minicurso de Unity, minicampeonato de Hearthstone e Clash Royale, e finalmente, o sorteio de um ingresso e passagem para a Brasil Game Show 2018. “Venham curtir, torcer, participar e conhecer pessoalmente a todos. Tragam os amigos também, vamos fazer um belo evento para chamar atenção da importância e grandiosidade do eSports.”, convida o professor.

Agenda do evento:

23/01 – terça-feira

17:00 à Abertura

17:30 à Campeonato de Hearthstone

19:00 à League of Legends: semi finais

24/01 – quarta-feira

17:00 à Abertura

17:30 à Palestra: “Resiliência no Mercado de Games: Do Sonho à Realidade”, por Juliel Bronzati Dourado da Math Gear Games

17:30 à Minicurso Unity (laboratório): inscrições aqui

19:00 à League of Legends: finais

25/01 – quinta-feira

17:00 à Abertura

17:30 à Campeonato de Clash Royale

17:30 à Minicurso Unity (laboratório) : inscrições aqui

19:00 à Counter Strike: semi finais

26/01 – sexta-feira

17:00 à Abertura

17:30 à Palestra: “Carreira nos eSports”, por Guilherme “duken” Góes, jogador profissional de Counter Strike GO

17:30 à Minicurso Unity (laboratório) : inscrições aqui

19:00 à Counter Strike: finais

Univem sedia 2º Marília Startup Pitch Day

Acontece neste sábado (11/11) o 2º Marília Startup Pitch Day, evento promovido pelo Centro de Inovação Tecnológica de Marília – CITec-Marília em parceria com os cursos de pós-graduação do Univem.

O evento tem como objetivo a apresentação de projetos inovadores de startups de alunos da graduação e pós-graduação do Univem, de empreendedores do Centro Incubador de Empresas de Marília – Ciem, do InnovaSpace Coworking e da região de Marília.

As apresentações acontecem a partir das 8h30 em formato de posters no InnovaSpace Coworking e de pitchs de 1 e 5 minutos no Auditório Shunji Nishimura.

InnovaSpace Coworking

Os empreendedores apresentarão seus projetos para mais de 30 avaliadores, mentores e investidores que poderão ajudar a alavancar os empreendimentos de base tecnológica.

O evento é aberto ao público e ao final os melhores projetos serão premiados pelas empresas Locaweb, GAA Start, Programa Visão de Mercado, TBS Consultoria, Vilage Marcas e Patentes e pelo InnovaSpace.

Segundo o coordenador do evento, Prof. Dr. Elvis Fusco, foram mais de 50 projetos submetidos e 35 projetos aprovados para a exposição. “Este é o maior evento de startups da região e isso é comprovado tanto pela quantidade como pela qualidade e maturidade dos projetos que poderão ser comprovados durante as apresentações”, comemora Elvis, que também é coordenador do CITec-Marília.

Marília atualmente é reconhecida nacionalmente pelos seus ambientes de inovação que são tidos como modelo pelo Governo de São Paulo para outras cidades que buscam criar centros de inovação e incubadoras de empresas e com o recém inaugurado espaço de coworking, o Univem, que já era a entidade gestora do CITec-Marília e do Ciem, consolida-se ainda mais como a principal entidade de ensino superior do estado na formação superior baseada na tecnologia, empreendedorismo e inovação.

“O InnovaSpace Coworking com somente um mês de inaugurado conta com 15 startups e algumas delas estarão presentes no Marília Startup Pitch Day reforçando a nova vocação da cidade de Marília para o setor de Tecnologia da Informação”, conclui Elvis Fusco.

Coordenador do Univem apresenta palestra sobre inovação na Espanha

O coordenador dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação e do Centro de Inovação Tecnológica de Marília – CITec-Marília e do Centro Incubador de Empresas de Marília – Ciem, Prof. Dr. Elvis Fusco, realizou neste mês de outubro uma série de atividades ligadas às temáticas do empreendedorismo e da inovação na Espanha.

 

O coordenador foi convidado para palestrar a conferência “Ecosistema Brasileño de Innovación: Estudio de caso del Sistema Paulista de Innovación” para estudantes e pesquisadores da região de Valência. Na oportunidade apresentou os resultados de sua  pesquisa de pós-doutorado que realiza na Universidade de São Paulo – Usp.

“O objetivo da palestra foi apresentar um panorama das políticas e investimentos do ecossistema brasileiro de inovação e o sistema local de inovação de Marília como case de sucesso no estado de São Paulo demonstrando o modelo de governança dos ambientes de empreendedorismo, inovação e tecnologia que são mantidos pelo Univem”, explica o Prof. Elvis.

A cidade de Marília é referência no estado de São Paulo no que se refere aos seus ambientes de empreendedorismo, inovação e tecnologia como o CITec-Marília, o Ciem, o InnovaSpace Coworking e o Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação, APL TI Marília e, na oportunidade, o coordenador do Univem pode apresentar esse modelo de sucesso para o público espanhol.

 

Com a cidade de Marília prestes a receber o credenciamento do Parque Tecnológico por parte do Governo de São Paulo, o coordenador do Univem também realizou atividades de intercâmbio com pesquisadores e visita técnica no Parque Científico e Tecnológico de Madrid. “Já realizamos visitas em vários Parques Tecnológicos no Brasil e nesta oportunidade pude conhecer o modelo espanhol que apresenta iniciativas importantes de interação entre a academia e suas pesquisas científicas com as demandas de inovação tecnológica do setor produtivo”, conclui o coordenador.