Arquivos da Categoria: eventos

Cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem abrem chamada para visita ao Google Campus

Os cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem irão promove visita técnica ao Google Campus, espaço de coworking mantido pelo Google em São Paulo.

Data: novembro, 28, 29 ou 30. O dia exato será definido quando houver a divulgação pelo Google Campus do calendário de eventos dessa semana.

Local: Google Campus, Rua Coronel Oscar Porto, 70 – São Paulo.

Valor: R$ 120, cobre somente o transporte, alimentação é por conta do aluno.

Pre-requisito para a viagem: se inscrever no site https://www.campus.co/sao-paulo/pt/sign-up/

Roteiro (ida e volta no mesmo dia):

  • Saída: Univem, 06:00 (parada de 10 min no RodoServ)
  • Almoço: São Paulo, 13:00
  • Visita coworking: Google Campus, 14:00 – 18:00
  • Palestra: 18:00 – 21:00 (passível de alteração, depende do evento que acontecer no dia que formos)
  • Retorno: 21:00
  • Chegada em Marilia: Univem, 02:00 (parada de 10 min no RodoServ)

Como se inscrever: se dirija ao NUPPE/Univem, para preencher uma ficha de inscrição e realizar o pagamento.

Mais informações devem ser obtidas com o professor Allan, responsável pela visita técnica no email allan_oliveira@univem.edu.br

Anúncios

Alunos publicam trabalhos científicos em evento internarcional

12ª Conferência Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação

Os cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem comemoram os recentes avanços de pesquisas científicas de seus alunos. O grupo de pesquisa de Interação Humano-Computador do Univem ligado ao Compsi (Computing and Information Systems Research Lab), laboratório de pesquisa mantido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem, teve importantes publicações apresentadas em evento internacional, a 12ª Conferência Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação (CISTI).

A 12ª CISTI que aconteceu em Lisboa-Portugal é um evento técnico-científico anual que visa a apresentação e a discussão de conhecimentos, novas perspectivas, experiências e inovações no domínio dos sistemas e tecnologias de informação.

Um dos trabalhos, desenvolvido em parceria com o Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) e com a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), apresenta uma solução de fusão de dados e informações, visando dar suporte à tomada de decisão no combate a incêndios em áreas de conservação do cerrado brasileiro.

Prof. Dr. Leonardo Botega dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem

O trabalho trata da gestão da informação sobre incêndios florestais em áreas protegidas é um exemplo de situação onde a tomada de decisão mais assertiva é fundamental para se garantir uma melhor alocação de recursos para a resposta a emergências. Este trabalho tem como objetivo apresentar um processo de fusão de dados e informações de múltiplas fontes para produzir informações mais significativas e com reduzida distorção a partir de denúncias de incêndio, visando estimular a SAW de operadores do Corpo de Bombeiros e brigadas de apoio, para amplificar o controle e extinção de incêndios no Distrito Federal (Brasil).

O outro trabalho, desenvolvido em parceria com a empresa Stratelli – Inteligência Estratégica e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), apresenta esforços para realizar fusão de informações criminais considerando questões semânticas.

Esta pesquisa se propõe a demonstrar na prática tais limitações e apresentar uma abordagem em direção ao emprego de modelos semânticos de representação e inferência de informações, utilizando o domínio de gerenciamento de riscos como estudo de caso, mais especificamente com dados criminais do Brasil.

As pesquisas tiveram a participação dos alunos Jordan Saran, de Ciência da Computação, Valdir Junior, aluno de Ciência da Computação, Cássio Santo, aluno de Sistemas de Informação, Lucas Ladeira, Allan Souza e Vitória Mendes, formados em Ciência da Computação pelo Univem, dos professores do Univem, Dr. Leonardo Botega e Dr. Allan Oliveira, pela pesquisadora do IBICT, Dra. Fátima Tavares, Me. João Martins e Vagner Pagotti, pesquisadores da Empresa Stratelli e Dr. Leandro Villas, professor da Unicamp.

O Prof. Dr. Leonardo Botega, orientador dos trabalhos e coordenador do grupo, acrescenta que “fornecer subsídios para uma melhor tomada de decisão pode ajudar operadores de sistemas de gerenciamento de emergências a melhor entender os eventos históricos e apoiar a elaboração de táticas de atendimento mais eficientes”. O professor também argumenta que a publicação e participação de alunos de iniciação científica em grandes eventos solidifica a competência científica dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem. O professor também destaca que parcerias são essenciais para o sucesso de trabalhos interdisciplinares.

 

Inauguração do InnovaSpace Coworking do Univem

Centro de Inovação Tecnológica de Marília inaugura espaço de coworking para startups

Foi inaugurado, nesta terça-feira (26/09), o InnovaSpace Coworking, ambiente de empreendedorismo e inovação, instalado no Centro de Inovação Tecnológica de Marília – CITec-Marília no campus do Centro Universitário Eurípides de Marília – Univem.
Atualmente, o CITec-Marília, que já conta com o Centro Incubador de Empresas de Marília – Ciem, ambos os ambientes tem a Fundação de Ensino “Eurípides Soares da Rocha” como entidade gestora, e mantém mais de 25 empresas de base tecnológica residentes nos modelos de incubação, pós-incubação e centros privados de inovação.

Segundo o Prof. Dr. Elvis Fusco, coordenador do CITec-Marília, o InnovaSpace Coworking consiste em um ambiente no ecossistema de inovação de Marília que representa muito mais do que uma nova forma de se relacionar com a estrutura de trabalho. “Além do compartilhamento de recursos, se caracteriza pela sinergia que se desenvolve quando pessoas de diferentes áreas interagem, gerando um fluxo intenso de troca de ideias, colaboração e networking com o objetivo de gerar startups tendo como base a indústria do conhecimento”, explica Fusco.

“O InnovaSpace Coworking faz parte de uma visão moderna de desenvolvimento de negócios de base tecnológica e startups que tem na colaboração um elemento fundamental. Mais que um espaço físico diferenciado, ele é um novo conceito de trabalho, fundamental para criar um ambiente vibrante como queremos para os jovens de Marília”, complementa Elvis Fusco.

Para o Subsecretário Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcelo Strama, o InnovaSpace Coworking passa a ser porta de entrada para os ambientes de inovação para empresas de base tecnológica nascentes, cujo objetivo é fazer com que os empreendedores tornem a interação e a colaboração entre seus negócios evidente, interagindo ainda mais com os diferentes agentes do ecossistema do CITec-Marília. “O CITec-Marília oferece apoio na incubação, pós-incubação e na criação de centros privados de inovação. Com o InnovaSpace Coworking, passa a oferecer a pré-incubação em que empreendedores que estejam na fase de ideação, encontrarão um ambiente moderno e suportado pela colaboração, networking e aceleração”, comenta Marcelo Strama.

O lançamento do InnovaSpace Coworking reforça ainda mais o protagonismo da cidade de Marília no desenvolvimento de competências nas áreas do empreendedorismo, inovação e tecnologia, que visa unir o conhecimento das instituições de ensino e dos ambientes de inovação e empreendedorismo que são credenciados ao Sistema Paulista de Ambientes de Inovação do Governo de São Paulo, a fim de evoluir o aspecto de inovação no centro-oeste paulista.Clique aqui e veja mais fotos do InnovaSpace Coworking

Cobertura da X Semana de Tecnologia da Informação do Univem



Visita técnica ao espaço de coworking do Google Campus em São Paulo

Conforme anunciado ontem dia 12/09/2017, o univem fará esse ano uma visita técnica ao espaço de coworking do Google em São Paulo, chamado e Google Campus.  https://www.campus.co/sao-paulo/pt/about

Os interessados em participar da viagem podem se inscrever pelo formulário a seguir  https://goo.gl/forms/QkEN2FQX6AZlTC3u2
Algumas informações sobre a viagem:
Data: Outubro, a ser definido um dia da semana que tenha uma palestra relevante
Local: Google Campus (Rua Coronel Oscar Porto, 70 – São Paulo)
Valor: R$ 100-150
Roteiro:
  • Saída: Univem, 06:00
  • Almoço: São Paulo, 13:00
  • Visita coworking: Google Campus, 14:00 – 18:00
  • Palestra: 18:00 – 22:00
  • Retorno: 22:00
  • Chegada em Marilia: Univem, 03:00

X Semana de Tecnologia da Informação começa nesta segunda

Começa nesta segunda, 11 de setembro, a X Semana de Tecnologia da Informação, evento promovido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem em parceria com o COMPSI (Computing and Information Systems Research Lab), a ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e o CITec-Marília (Centro de Inovação Tecnológica de Marília).

Maior evento da área de Tecnologia da Informação (TI) da região, atrai profissionais, empreendedores e alunos que buscam atualização tecnológica por meio de seminários, palestras e minicursos e networking por meio das diversas atividades de fomento ao empreendedorismo, inovação e e tecnologia.

Inovação tecnológica, empreendedorismo em TI, smart cities, startups, vale do silício, data lake, cloud computing, deep learning, mobile apps, tecnologias de front-end, games, machine learning são alguns dos temas das palestras e minicursos que serão tratados neste ano na Semana de Tecnologia da Informação.

fotosemanati.jpg

Na abertura da Semana de TI, no dia 11 de setembro às 19h30, acontece o 3º Seminário de Inovação “Inova Marília”, fórum de discussão sobre o tema trazendo a palestra “Incentivando o empreendedorismo na Universidade” com Roberto Ferrari, diretor executivo da Agência de Inovação da UFSCar e palestra “Cenário da Inovação no Brasil” com Roberto Nicolsky, diretor presidente da Sociedade Brasileira Pró-inovação Tecnológica.

Na véspera de receber o credenciamento provisório do Parque Tecnológico, Marília e região vivem um momento especial em relação à área de Tecnologia da Informação e Inovação e o Univem consolida-se cada vez mais como entidade protagonista na no processo de posicionar a cidade como polo de tecnologia e inovação. Neste contexto, a Semana de TI traz novamente para Marília, o Movimento pela Inovação, evento que acontece nos dias 12 e 13, promovido pela Desenvolve SP, que tem como objetivo oferecer linhas de fomento e orientação especializada para empresas e pesquisadores que desejam investir em inovação ou colocar em prática um projeto inovador.

Durante o evento apresenta o Recruting Semanati 2017, espaço destinado a empresas exporem seus produtos e serviços e realizar o recrutamento de alunos e profissionais.

Grandes empresas de TI como a Boa Vista Serviços, Telecontrol, Tray, Locaweb,  CIAG (Jacto), Totvs, Interfocus, Dsin, Bredas, Onclick, Life,  Totvs, TK Ingressos estarão presentes no evento com apoio e stands no espaço Recruiting, além da Asserti (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) que neste dia 11 de setembro completa 5 anos, consolidada como a maior entidade representativa da área de Tecnologia da Informação do interior de São Paulo.

A 10ª edição do evento traz algumas novidades para os aficionados por games que poderão participar da 1ª Jornada de Games Univem que contará com o Game Class, treinamento para aprender a jogar, o Games Dev, cursos de desenvolvimento de games e o Torneio Univem de League of Legends.

Segundo o Prof. Dr. Elvis Fusco, coordenador dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem e do Centro de Inovação Tecnológica de Marília, a Semana de TI em Marília é um evento esperado pela comunidade da região. “Conseguimos congregar neste evento, profissionais, empreendedores e estudantes da área de TI de instituições de toda a região e a cada ano trazemos novidades que enriquecem cada vez o evento. Neste ano, além do ciclo de palestras e minicursos, do Recruting Semanati, da Maratona Regional de Programação e da Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio, teremos o Movimento pela Inovação da Desenvolve SP para empreendedores e pesquisadores em busca de recursos para projetos de inovação e a Jornada de Games que tem atraído futuros talentos para essa área que cresce cada vez no mercado de TI”, conclui o coordenador do evento.

O evento vai até o dia 16 de setembro e é aberto ao público em geral. Para conferir a programação completa e realizar a inscrição no evento, acesse www.univem.edu.br/semanati2017.

Ex-alunos de Computação vencem competição de empresa multinacional

Profissionais formados pelo curso de Ciência da Computação do Univem venceram competição de tecnologia promovida pela empresa multinacional Serasa Experian. Foram mais de 200 inscritos na competição que tinham que resolver desafios propostos pela empresa em um menor tempo possível de forma individual ou por equipe. Esse foi o objetivo da terceira edição da Experience JAM – Hackthon, promovido pela Serasa Experian. Entre os competidores, seis eram ex-alunos dos cursos de Ciência da Computação do Centro Universitário Eurípides de Marília – Univem. Equipe que em 20 horas apresentou novas tecnologias para o tema: Internet das Coisas: Como será o futuro a nossa volta? e conquistou o prêmio de R$ 10 mil.

O Hackathon- maratona de programação de hackers-, nome no qual a competição é conhecida no mundo, teve os temas sugeridos pela própria Serasa Experian, entre eles “Autenticação: como garantir a identidade de uma pessoa ao se identificar em um sistema?”, “Internet das Coisas: como será o futuro a nossa volta?”, dentre outros. A indicação dos mesmos para cada equipe de trabalho aconteceu por sorteio.

Segundo o ex-aluno do curso de Ciência da Computação do Univem (hoje mestrando na Universidade Federal de São Carlos) e integrante da equipe vencedora, Fernando Cirino Sato, o Hackathon foi uma oportunidade ímpar de enfrentar um desafio e apresentar soluções de forma rápida. “Foram quase 20 horas, sem dormir, focado no problema. Participar desse tipo de maratona, também nos mostra o que está sendo aplicado no mercado, melhora o nosso network”, destacou.

De acordo com Sato, a graduação no Univem foi fundamental para esse resultado. “Não só eu, mas todos os integrantes da equipe também se graduaram no Univem no curso de Ciência da Computação. O curso sempre nos ofereceu a oportunidade de estar nesse ambiente de inovação e tecnologia, inclusive publicando artigos científicos”, salientou.  Também fizeram parte da equipe: Guilherme Cruz, Raphael Honda, Fabio Jorge, Richard Frank e Maria Carolina Santos.

Chamada de propostas de minicursos para a X Semana de Tecnologia da Informação

Estão abertas inscrições de propostas de minicursos para a X Semana de Tecnologia da Informação que acontece no período de 11 a 16 de setembro,  evento promovido pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem com o apoio da ASSERTI (Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) e do CITec-Marília (Centro de Inovação Tecnológica de Marília)

O minicursos podem ser ministrados por profissionais de Tecnologia da Informação (TI), alunos e ex-alunos e deverão ser de 3 horas e contemplar temas ligados a tecnologia, empreendedorismo e inovação em TI.

As propostas de minicursos devem ser enviadas até 31 de julho para o e-mail  semanati@univem.edu.br com as seguintes informações:

  • Nome do ministrante;
  • Nome da empresa;
  • Tema do minicurso;
  • Breve descrição do minicurso;
  • Experiência do ministrante com o tema;
  • Softwares e equipamentos necessários;
  • Horário:
    [ ] Período Noturno – segunda/sexta (11 à 15 de setembro)
    [ ] Período Manhã – sábado (16 de setembro)

Os participantes que ministrarem minicursos terão isenção da taxa de inscrição no evento e receberão certificado de comprovação da ministração do minicurso.

O resultado das propostas devem sair até o dia 07 de agosto.

Para mais informações sobre o evento, acesse: www.univem.edu.br/semanati2017.

Cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação levam expertise para Escola Waldemar Moniz

De um lado o conhecimento, a expertise oferecidos pelos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem, coordenados pelo Prof. Dr. Elvis Fusco. De outro, uma escola com um rico material tecnológico doado pelo Estado, alunos ávidos por aprender e a falta de capacitação. Juntos e embuídos em transformar as plataformas eletrônicas em material didático, nasceu a parceria entre a instituição e a Escola Estadual Waldemar Moniz.

As aulas de robótica, com o uso do arduíno – plataforma de prototipagem eletrônica de hardware livre e de placa única, acontecem duas vezes por semana e são monitoradas pelos alunos Valdeir da Silva Neto e Marcelo de Souza da Silva dos Santos do curso de Sistemas de Informação e orientadas pelo professor do curso de Ciência da Computação e Sistemas de Informação do Univem, Fábio Navarro.

Segundo ele o objetivo é fazer com que com a utilização dos kits, os alunos pensem em programas que interajam e contribuam com o meio. “É o que chamamos de Internet das Coisas. Aqui há um material humano e tecnológico muito importante. Só faltava a capacitação para a utilização do arduíno. Com essa parceria o Univem promove a extensão. Leva seu conhecimento à comunidade”, comentou.

A partir da utilização dos recursos tecnológicos na construção de novas propostas pedagógicas, a escola Waldemar Moniz tem buscado a inclusão digital no ensino. Dentro desse propósito, nasceu o “Projeto Mãos de Aço” que cria meios para os estudantes se apropriarem criticamente das inovações tecnológicas, fundamentais para a participação no mundo do trabalho, a formação acadêmica e cidadania. O projeto é interdisciplinar e promove a integração dos alunos.

Segundo a professora de Física da escola, Nathália Veronezzi  a parceria com o Univem foi fundamental para a realização do projeto. Ainda, de acordo com ela, o contato dos alunos com a universidade é fundamental para ampliar os horizontes dos jovens, que a partir dos laboratórios de informática monitorados pelos alunos e professor da universidade, têm percebido a tecnologia como oportunidade no mercado profissional.

Para o aluno do 3º ano do Ensino Médio, Gabriel Dias Praça, as aulas monitoradas e a parceria com o Univem possibilitou aos alunos um contato ímpar com o meio universitário. “A gente teve e continua tendo um contato que antes não tínhamos com a universidade. Passamos e conhecer as possibilidades oferecidas e o que o mercado tem exigido. Já penso em criar um programa que auxilie os alunos no processo de aprendizagem”, afirmou.

O Prof. Elvis Fusco destaca o fato que esse conhecimento que os estudantes do Univem estão compartilhando com os alunos da escola de Ensino Médio são adquiridos em sala de aula e em projetos de pesquisa. “Nessa parceria nossos alunos exercem o papel de multiplicadores do conhecimento fazendo um papel social muito importante ao ajudar a Escola Waldemar Moniz utilizar esses aparatos tecnológicos que foram adquiridos com recursos públicos e inspirar os jovens do ensino médio a ingressar no mercado de Tecnologia da Informação”, concluiu o coordenador.