Univem e ASSERTI miram novos talentos na 1ª Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio

Participantes da 1ª Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio

Participantes da 1ª Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio

O Univem (Centro Universitário Eurípides de Marília) e a ASSERTI(Associação de Empresas de Serviços de Tecnologia da Informação) promoveram no último sábado (19) a 1ª Olimpíada de Informática para Alunos do Ensino Médio com cerca de 30 alunos de ensino médio e técnico com interesse em seguir carreira na área de TI (Tecnologia da Informação).

O evento tem como principal objetivo identificar talentos na área, tendo em vista o déficit de profissionais que atualmente é de 39,9 mil segundo a consultoria IDC, que prevê um agravamento na carência por profissionais de tecnologia no Brasil até 2015.

2

Ainda segundo a consultoria, a carência de mão de obra qualificada se deve especialmente a três fatores: rápida expansão das empresas de infraestrutura e tecnologia do país, a adoção acelerada de serviços de TI pela iniciativa privada e pelo setor público e a ocorrência da Copa do Mundo em 2014 e das Olimpíadas em 2016. Além de revelar grandes talentos para atuar futuramente na área, a iniciativa vai também premiar com tablets os cinco melhores de cada categoria – ensino médio e técnico -, treiná-los por meio de cursos de capacitação na área e ainda encaminhá-los para estágio remunerado em empresas associadas à ASSERTI para continuar a se desenvolver dentro do setor.

Alunos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação apoiando o evento

Alunos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação apoiando o evento

Segundo o coordenador dos cursos de Ciência da omputação e Sistemas de Informação do Univem, professor Elvis Fusco, dentre os competidores, os alunos do ensino médio tiveram duas semanas de treinamento oferecido pela instituição para que os conhecimentos fossem melhor apurados e assim pudessem competir de igual para igual.

“O treinamento foi feito porque para montar a 1ª Olimpíada de Informática usamos o mesmo modelo da Maratona de Programação da Sociedade Brasileira de Computação e devido ao grau de dificuldade resolvemos dividir os competidores em categorias e ainda dar treinamento para aqueles que não tiveram nenhum curso oficial sobre informática”, explicou.

Tablets que serão entregues aos vencedores

Tablets que serão entregues aos vencedores

Para o estudante do ensino técnico Renan Henrique Moreira de Souza, 17, gostar da área é fundamental para se dar bem nessas competições e também uma habilidade especial. “Eu resolvi competir porque gosto muito e sei que me dará oportunidades futuras muito boas”.

Já para Matheus Ferraroni Sanches, 17, aluno do ensino médio, a motivação para participar da olimpíada foi, além do treinamento que o Univem ofereceu, também a chance de conseguir um estágio na área que sempre desejou trabalhar. “O treinamento foi muito bom e me deu uma noção muito maior do que eu já tinha. Acho que mesmo não sendo um dos cinco melhores já valeu”.

A premiação dos cinco melhores colocados de cada categoria será realizada em uma solenidade amanhã (23), no salão nobre do Univem, durante a abertura da VI Semana de Tecnologia da Informação da instituição.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: